Polícia

Três anos após deixar carro em oficina, mulher volta para buscar veículo e se desespera em SC

O homem admitiu à polícia ter vendido partes do Santana ao longo dos últimos anos para comprar drogas.

Três anos após deixar carro em oficina, mulher volta para buscar veículo e se desespera em SC Foto: PM-SC

Uma história bastante inusitada mobilizou a Polícia Militar nesta quinta-feira (27) em Indaial, no Vale do Itajaí. Três anos após deixar o carro em uma oficina para reparos, uma mulher voltou para buscar o veículo e se desesperou ao ver o motivo de tanta demora para o serviço ser concluído: o Santana estava completamente depenado, sem condições de uso.

A motorista de 28 anos chamou a PM e contou que em 2021 levou o carro à oficina para pintar e pagou os R$ 500 combinado. Entretanto, como o latoeiro nunca entregava o veículo, ela decidiu voltar pessoalmente ao estabelecimento no bairro Warnow para buscar o veículo. Aí se deparou com o automóvel sem várias peças, como rodas e para-choque.

O homem admitiu à polícia ter vendido partes do Santana ao longo dos últimos anos para comprar drogas, pois era viciado. Ele relatou ainda que, por medo de represália da dona do veículo, passou a criar histórias para que ela não fosse buscar o carro. O latoeiro foi levado à delegacia enquadrado pelo crime de apropriação indébita, com pena de um a quatro anos de prisão.

A carcaça do carro foi recolhida por um guincho e levado ao pátio conveniado da PM para perícia.

 

Fonte: NSC Total / 

 

 

Outras Notícias