Agricultura

Foco de raiva herbívora é identificado em Vidal Ramos; secretário destaca importância de vacina do rebanho

Foco de raiva herbívora é identificado em Vidal Ramos; secretário destaca importância de vacina do rebanho

 

A administração municipal de Vidal Ramos por meio da Vigilância Epidemiológica e secretaria de Agricultura, informa que houve a identificação de um foco de raiva herbívora no município.

A doença tem incubação de 80 dias. Há, portanto, demora até que ela se manifeste visivelmente nos animais infectados. O secretário de Agricultura, Flávio Majolo, alerta os produtores que as ações precisam ser preventivas.

A vacina precisa ser realizada em duas etapas. Uma segunda dose deve ser feita 21 dias após a primeira aplicação para que o animal fique de fato imunizado. É importante frisar que, sem essa segunda dose, o animal continuará suscetível ao vírus.

“A vacina pode ser encontrada facilmente em qualquer agropecuária. Com isso, o pecuarista evita a perda de um animal, como um boi, que custa mais de R$ 1 mil”, diz Tácia Fernanda, responsável pela Vigilância Epidemiológica. “É uma doença que não tem cura. Se o animal for contaminado, não tem como se recuperar”, alerta.

“Quando o criador percebe os sinais da doença no rebanho já é tarde demais para vacinar. Por isso, é muito importante que os refúgios de morcegos sejam identificados pelos produtores e o serviço veterinário municipal seja notificado imediatamente”. Conforme destaca Flávio, assim é possível agir a tempo de evitar a progressão do vírus de uma colônia para outras.

Diferente da febre aftosa, por exemplo, onde há contaminação de animal para animal, a raiva é transmitida de maneira vertical, pelo vetor que é o morcego hematófago. A vacinação não é obrigatória e sim estratégica. Quando os focos são constatados, através de diagnóstico laboratorial, há a indicação aos produtores para a vacinação dos animais. As orientações são, principalmente, para bovinos, equinos e bubalinos - animais que ficam mais expostos ao ataque dos morcegos.

 

Por Assessoria de Comunicação

Administração de Vidal Ramos

Outras Notícias