Geral

Administração de Ituporanga faz proposta de compra do Parque Ingo Altenburg

Local que está fechado desde 2014 seria revitalizado principalmente para visitas e ações socioeducativas de preservação e recuperação.

Administração de Ituporanga faz proposta de compra do Parque Ingo Altenburg Foto: Divulgação / Reprodução

 

Para voltar a disponibilizar uma área de lazer privilegiada à comunidade e garantir o melhor aproveitamento do Parque Ingo Altenburg com a oferta de várias atividades, principalmente para os estudantes, o prefeito de Ituporanga, Gervásio Maciel, apresentou oficialmente nesta semana em audiência com o presidente do Conselho Deliberativo da Fundação Catarinense de Assistência Social (Fucas) uma proposta da administração municipal para comprar o local por R$ 500 mil. O pagamento seria feito em parcelas de 50 mil por mês e a aquisição resolveria um impasse antigo. 

De acordo com o prefeito, desde 2021 a administração de Ituporanga desenvolve um projeto de revitalização e investimento nos pontos turísticos e o parque é uma das áreas mais bonitas da cidade, por isso deveria ser melhor utilizado. “É um local de ar puro, sossego e beleza da fauna e flora regionais. Nossa intenção é ampliar a participação da comunidade, principalmente escolas públicas e privadas em ações socioeducativas de preservação e recuperação bem como uso economicamente sustentável desse espaço”, ressaltou.

O chefe do Executivo destaca ainda que a transferência da propriedade para o município é essencial para que a administração possa captar recursos governamentais e investir na conclusão do ginásio propiciando a abertura do espaço para abrigar oficinas de artes manuais, teatro, dança, música, informática, curso de idiomas e diversas modalidades esportivas no período de contraturno escolar.

O Parque Ecológico Ingo Altenburg, foi inaugurado em abril de 2009 e conta com uma área 3,3 hectares de Mata Atlântica preservada bem no centro da cidade, com trilhas, academia ao ar livre, parque infantil, salas administrativa, salas de aula, viveiros para animais e um ginásio que precisa ser concluído. Em 2012, recebeu o prêmio Instituto Guga Kuerten de Responsabilidade Social.

O local chegou a receber mais de 2.500 visitas mensais, mas em 2014 foi fechado. Os animais foram retirados e o ambiente desocupado. Atualmente ele é utilizado somente pela Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente.

Por Assessoria de Comunicação

Administração de Ituporanga

 

Outras Notícias